Arquivos da categoria: assuntos pessoais

Nota de retratação pública

Informo aos leitores que na quarta-feira, dia 29 de setembro, foi realizada a audiência de conciliação relativa à queixa-crime do jornalista Felipe Vieira contra mim. Na queixa-crime, Felipe Vieira, através de seu advogado, Norberto Flach, identifica a ocorrência de injúria e difamação no texto “Um prego no caixão da democracia“, publicado neste blog em 6 de agosto de 2009.

Felizmente, chegamos a um acordo para evitar a instauração de um processo penal, que não era do interesse de nenhuma das partes.

Portanto, gostaria de me retratar aqui por quaisquer injúrias ou difamação dirigidas ao Felipe Vieira no texto em questão. Esclareço que em nenhum momento pretendi imputar a ele a prática de atitudes imorais, antiéticas ou ilegais; nem a prática de litigância de má-fé; nem desprezo pela liberdade de expressão.

O fato de minhas declarações terem levado à apresentação de queixa-crime por parte do jornalista Felipe Vieira indica que posso ter excedido os limites da liberdade de expressão e de imprensa, pelo que peço sinceras desculpas à parte atingida e aos leitores.

A liberdade de expressão é essencial para a democracia, bem como o direito de levar à justiça os casos de abuso dessa mesma liberdade. Liberdade de expressão não significa liberalidade. A possibilidade de resolver disputas concernentes à honra sob os olhos da Justiça é um dos grandes avanços trazidos pela democracia e um dos pilares do Estado de Direito.

Procuro sempre pautar o meu exercício da cidadania pelo Estado de Direito. Portanto, ressalto aos leitores, especialmente àqueles que saíram em minha defesa, que Felipe Vieira, a meu ver, agiu plenamente dentro dos limites de seus direitos ao, sentindo-se atingido, apresentar queixa-crime contra mim.

Por outro lado, como jornalista que valoriza o Estado de Direito e as regras básicas de civilidade, percebo como meu dever dar satisfações, na Justiça, a todos aqueles que se sentirem lesados por meus textos. Por isso, apresento aqui minhas apologias ao Felipe Vieira e aos leitores.

Dando um tempo

Os leitores já devem ter percebido que este blog está parado nos últimos meses. Isso está acontecendo por razões excelentes e outras talvez nem tanto:

1- Em primeiro lugar, minha filha nasceu no dia 12 de julho. Obviamente, estou concentrando todo o meu tempo livre nela e na Tati.

2- Estou cruzando o Cabo da Boa Esperança no meu doutorado em Comunicação Social na PUCRS, de modo que as seis horas restantes do meu dia de 30 horas têm sido usadas em leituras e redação da tese.

Minha atividade principal é a de professor, este e outros blogs são apenas uma forma de trabalho voluntário. Não estão no topo da lista de atividades a renunciar, mas estão logo antes de todas as tarefas que rendem dinheiro e, principalmente, das relacionadas à família.

Embora este blog esteja diretamente relacionado com minha atuação como professor, não vejo outro remédio senão suspender as postagens até a vida ficar mais tranquila.

Enquanto isso, recomendo acompanhar meu perfil no Delicious, onde costumo compartilhar leituras interessantes. Deixo ainda os links para alguns artigos e entrevistas publicados na imprensa nos últimos tempos:

Blogs que documentam gravidez são tendência — Mauren Motta

Pais estão dividindo melhor  tarefa de formação emocional dos filhos — ClicRBS

Deep-throat versão século XXI – Sul 21

A decadência do Jornal do Brasil — Sul 21

Sobre o #diasemglobo — Sul 21

Balançando a rede: redes sociais, eleições e #calabocagalvão — ZH Cultura

Redes sociais conquistam espaço dos blogs na preferência dos internautas – ZH Digital

O dito pelo não-dito — Sul 21

O que falam, quem segue quem, o mais citado: conheça o Twitter dos presidenciáveis – UOL Eleições

Como os pais podem administrar o uso da Internet – Zero Hora

A grande mídia não é mais tão grande assim — Sul 21

Programação da semana

No sábado, das 9h às 18h, acontece o I Seminário Internacional de Jornalismo Online promovido no Brasil pelo Knight Center. O evento marcará, espera-se, a criação da seção brasileira da Online News Association. No primeiro painel, teremos a apresentação “Jornalismo Interativo no New York Times”, por Andrei Scheinkman, programador de aplicativos jornalísticos do New York Times. Às 11h, Mario Tascón, diretor e fundador de LaInformacion.com e DIXIRed e ex-diretor de conteúdo de Prisacom e ElPais.com apresenta a palestra “Jornalistas + leitores + algoritmos = meio de comunicação”. Ao longo do dia, vários outros painéis interessantes. Haverá transmissão ao vivo por este link.

A partir de amanhã, está aberta ao público a exposição Horizonte Expandido, no Santander Cultural, com diversos nomes fundamentais da arte contemporânea. Chance rara de ver essas obras em Porto Alegre. Além dos estrangeiros, a mostra traz material de Hélio Oiticica. Se você tem alguma vontade de gostar de arte contemporânea, essa é a oportunidade.

Amanhã, às 18h30, o impagável Eduardo Menezes, do Impedimento, lança o guia A Copa que Interessa, no Caminito (rua Padre Chagas, 318). Se não for útil, o guia é no mínimo divertido.

    Felipe Vieira está me processando

    Os representantes legais de Felipe Vieira, apresentador da Rede Bandeirantes, apresentaram uma queixa-crime por injúria e difamação contra mim.

    O processo não corre em segredo de justiça, conforme informações disponíveis no TJ-RS na tarde de hoje. Portanto, sinto-me no direito e no dever de colocar a queixa-crime produzida pelo escritório Campos Advocacia Empresarial e assinada pelo advogado Norberto Flach à disposição dos leitores.

    Queixa-crime

    Campus Party

    Na quinta-feira, às 15h45, vou mediar o debate O Direito e a Internet, na terceira edição da Campus Party. Os participantes são Flávia Penido, Alessandro Martins, Jorge Araújo e Marcel Leonardi. Na pauta, a questão da liberdade de expressão e crimes de opinião relacionados a blogs. A discussão promete ser bastante produtiva e eu realmente espero sair de lá com algum tipo de plano para criar uma organização que preste apoio jurídico a blogueiros envolvidos em processos por conta da veiculação de suas idéias e opiniões.

    Será a primeira vez que participo da Campus Party, apelidada por alguns de Woodstock Nerd. Estou realmente curioso para ver com que se parece uma conexão de 10Gb e ver se meu toque de celular com uma frase do seriado Monty Python fará sucesso. Passarei a semana inteira em São Paulo e pretendo frequentar a Campus Party em alguns dias. Se quiser marcar um encontro por lá, deixe um comentário ou envie um e-mail.

    Algumas entrevistas dos últimos tempos

    Enquanto não arranjo tempo para escrever um texto um pouco mais elaborado, fiquem com opiniões expressas em entrevistas sobre alguns assuntos relacionados à cibercultura nas últimas semanas:

    Autor de ‘hit’ contra empresa aérea dá dicas para reclamar no You Tube

    Saiba os cuidados que blogueiros devem ter na hora de fazer campanha na rede

    Tom e conteúdo oficiais atrapalham Blog do Planalto, dizem blogueiros

    Fora Sarney: da internet para as ruas

    Mais um pouco de arte

    +INSTRUÇÕES]desdobramentos

    A bailarina e coreógrafa Tatiana da Rosa — também conhecida como minha esposa —  dança novamente neste e no próximo final de semana em duas ações diferentes dentro do projeto +INSTRUÇÕES]desdobramentos. Serviço:

    Quarto Escuro
    Dia: 27 e 28 de junho (sábado e domingo)
    Horário: 21h
    Ingresso: R$15,00 (inteira), R$8,00 (estudantes, idosos, classe artística), R$8,00 + 1kg de alimento e 1 agasalho
    Local: Sala 209 – Usina do Gasômetro

    Solos
    Dia: 4 e 5 de julho (sábado e domingo)
    Horário: 21h
    Ingresso: R$15,00 (inteira), R$8,00 (estudantes, idosos, classe artística), R$8,00 + 1kg de alimento e 1 agasalho
    Local: Sala 209 – Usina do Gasômetro

    Mídias sociais e trabalho

    Nesta quinta-feira, às 15:00, participo junto com Cezar Paz (AG2), Martha Gabriel, Renee de Paula (Microsoft), Marcelo Tripoli (iThink) do painel “Empregabilidade 2.0: Como encontrar seu próximo emprego utilizando Mídias Sociais”, dentro do 11º Encontro Locaweb. O evento dura o dia inteiro com vários painéis e acontece no Centro de Eventos do Plaza São Rafael. As inscrições custam R$ 50.

    Webjornalismo participativo no G20

    Não deixem de acompanhar essa semana o G20 Voice, um webjornal participativo composto por 50 blogueiros convidados ao redor do mundo para ir a Londres com todas as despesas pagas, para cobrir o encontro das 20 nações mais ricas do planeta. Entre eles, Rodrigo Oliveira, do Nova Corja, o único brasileiro. O projeto é uma ação conjunta do governo britânico e de uma coalização de ONGs. O projeto recebeu de leitores ao redor do mundo 700 indicações, das quais saíram os 50 selecionados.

    Trata-se talvez de um dos maiores reconhecimentos já recebidos pelos praticantes do jornalismo amador. O Partido Democrata já havia tratado blogueiros como VIPs durante as prévias que escolheram Obama como candidato, mas o objetivo então era a propaganda, não o jornalismo. Durante a preparação para a luta pelo governo francês, Sarkozy deu entrevista exclusiva para um blogueiro, mas apenas um e do mesmo lado do espectro político. No caso do G20, os blogueiros foram chamados não para repercutir as posições dos anfitriões, mas para botar os líderes da economia mundial contra a parede.

    Vale a pena dar uma olhada também no Put People First, que agrega o material sobre o evento publicado em diversas ferramentas de compartilhamento de informação, como Twitter, Del.icio.us e Facebook. É o que se pode chamar de uma cobertura colaborativa.